A Páscoa no Brasil e suas celebrações

A Páscoa no Brasil e suas celebrações

Comentários

No ocidente a páscoa é um dos feriados mais respeitados e de maior peso no calendário, mas você sabe de onde vem a páscoa celebrada no Brasil?

Tradicionalmente, tem quem pense que a páscoa, assim como o natal, se refere a um ser imaginário que foi criado para alegrar e dar presentes, neste caso, ovos de chocolate.
Mas além do significado comercial, você sabe de fato sobre esse feriado que todos os anos marca o nosso calendário e de onde vem a páscoa?

Para os cristãos, esse é o período em que se celebra a morte e ressurreição de Cristo. A data não tem um dia fixo, sendo sempre no domingo em que se completam 40 dias após o carnaval. Porém antes mesmo de cristãos celebrarem a páscoa, os judeus comemoravam o Pessach Judeu, ou em sua tradução, a passagem judaica.

Por possuírem um calendário lunissolar, isto é, que se baseia nos ciclos da Lua e do Sol, a celebração ocorre no primeiro domingo após a lua cheia e vez ou outra, ela coincide com a data cristã.

Apesar de algumas similaridades, a data judaica não tem sua origem no cristianismo, mas sim pautada em comemorar a libertação do povo hebreu no Egito.

Como se originou a celebração da páscoa judaica

Ainda durante o período de escravidão, onde os hebreus estavam sofrendo com as 10 pragas do Egito, foi ordenado por Javé que uma festa fosse realizada, assim sendo, quando a última praga assolou a aquela terra, com a descida do anjo da morte para matar a todos os primogênitos, apenas os filhos daqueles que cumpriram a ordem, passando o sangue do cordeiro no umbral de suas portas, não sofreram com a praga.

Alguns ritos comuns praticados pelos judeus eram sacrificar um cordeiro sadio no dia 14 de nissan, assar e comer suas partes com pão sem fermento e ervas amargas, além de beberem vinhos não fermentados. O que não fosse ingerido do cordeiro, era queimado.

O Sêder de Pessach é o jantar cerimonial judaico em que se recorda a história do Êxodo e a libertação do povo de Israel. O Sêder é realizado na primeira noite de Pessach em Israel e na primeira e segunda noites fora de Israel.

Além disso, o sangue do animal era passado nos beirais das portas, para proteção. A data era uma importante oportunidade de contar às crianças sobre Jeová e algumas pessoas iam até Jerusalém para a comemoração. Depois desse período, a páscoa era comemorada por 7 dias e a ingestão de alimentos com fermento ainda permanecia proibida.

A Páscoa no Brasil comemorada atualmente

Ainda é possível ver muitas heranças de outras épocas na celebração de páscoa em cada parte do país.

No sul, por exemplo, existem referências ucranianas e alemãs, passando pela bênção do pão até a decoração em cascas de ovos.Uma festa tradicional acontece na região de Pomerode, onde é confeccionada a maior árvore de cascas de ovos decorados, ocasião em que muitos turistas e moradores de regiões vizinhas passam por lá. Além de muito chocolate, é claro.

páscoa no brasil celebrada no sul do país
Pomerode/SC – A cidade, conhecida por alguns como a mais alemã do Brasil, é casa da Osterfest. [Imagem: www.vidadeturista.com]

No sudeste as tradições ficam por conta dos portugueses e gregos, principalmente. Uma importante tradição é a de  “Malhar o Judas.”
A ocasião se trata de bater em um boneco feito com serragem, revivendo a cena em que Jesus foi traído por um de seus apóstolos, Judas Iscariotes.
Por aqui também se costumam decorar cascas de ovos e é muito comum, a confecção de tapetes decorados no chão, com materiais como serragem, flores, grãos e areia. O espetáculo de arte que pode ter metros de distância costuma atrair turistas de todo o país.

malhação de judas na páscoa no Brasil no século XVIII
Malhação de Judas (Debret, Jean-Baptiste, 1768-1848. Voyage pittoresque et historique au Brésil. Tome troisième. p. 34).

No Centro-Oeste acontece a encenação da Paixão de Cristo. Um costume trazido ao Brasil por espanhóis e portugueses, ela chega a ter uma média de 20 mil espectadores. A encenação da Paixão de Cristo é uma celebração cristã, que relembra e revive os momentos da crucificação de Cristo e, na região, o grande atrativo são as roupas completamente bem produzidas e os casarões que fazem parte do cenário.

No nordeste também acontece a encenação da Paixão de Cristo, que é a maior e mais conhecida apresentação a céu aberto do mundo. Além disso, a maior procissão do fogaréu é baiana, sendo reconhecida inclusive, como patrimônio imaterial da Bahia.

páscoa no brasil celebrada no nordeste e centro-oeste
Encenação da Paixão de Cristo em Pernambuco [imagem: https://vaconferir.com.br/paixao-de-cristo/]

Na região norte, a páscoa no Brasil é marcada com a celebração são as Procissão do Senhor Morto. Uma das mais conhecidas acontece da praça da Sé até à igreja de São João, onde os doentes utilizam barbantes para simbolizarem as partes de seus corpos que estão enfermas. Após o barbante ser utilizado como referência de medida, ele é amarrado ao corpo do Cristo morto.

páscoa no brasil celebrada no norte
Procissão do Senhor Morto [Imagem: insidevip.com.br]

Símbolos da Páscoa

Agora que vimos um pouco sobre a comemoração da páscoa pelo Brasil, vamos falar um pouco dos símbolos e seus significados.

Já falamos sobre a importância do cordeiro na comemoração da páscoa judia, que até hoje também é um símbolo importante para a tradição cristã. Além dele, outros elementos que fazem parte da celebração são os ovos galinha decorados, relacionados a fertilidade e a uma nova vida – assim como o coelho da páscoa.

Na celebração cristã, os sinos são importantes e são tocados nas igrejas para anunciar o Cristo Ressuscitado. O sírio pascal, composto das letras gregas “alfa” e “ômega” representam o nício e o fim. A luz da vela representa a ressurreição de Cristo.

Celebrando a páscoa no Brasil durante a pandemia

A páscoa, independente de sua origem, é sempre comemorada ao redor de familiares, pessoas de fé e amigos. Infelizmente, pelo segundo ano, esse momento de encontro e celebração não será possível, para garantia da segurança e saúde daqueles a quem amamos. Mas isso não significa que não seja possível cumprir algumas tradições ou estarmos juntos, mesmo que a distância.

Aqui vão algumas dicas para comemorar a páscoa no Brasil ou em qualquer lugar em meio à pandemia:

  • Faça uma vídeo chamada com a família e aproveite para compartilhar um pouco da origem e da importância desta data, principalmente aos mais novos.
  • Entreviste seus parentes mais velhos e descubra a origem de suas próprias tradições familiares.
  • Entretenha as crianças com uma caça aos ovos dentro de casa. Aproveite a oportunidade para colocar algumas charadas sobre a história da celebração.
  • Surpreenda a quem você ama com mensagens carinhosas e imagens que trazem a nostalgia e felicidade dos momentos já compartilhados. Você pode aproveitar e compartilhar fotos antigas de familia coloridas, restauradas e até animadas com as ferramentas de fotos do MyHeritage. Você pode aprender mais sobre essas poderoras ferramentas no nosso Portal de Conhecimento.
  • Façam atividades virtuais que permitam uma interação entre os familíares que estão distantes, podendo inclusive utilizar de ferramentas online para quiz e brincadeiras.
  • Não se esqueçam da essência da data, aproveitem para simbolizar o amor e a reflexão para quem amam.

E aí, como é celebrada a páscoa na sua família?

Deixar um comentário

O e-mail será mantido em sigilo e não será mostrado