Túmulo 2.0 – Update depois da morte.

Túmulo 2.0 – Update depois da morte.

Comentários11

As novidades a cada dia espantam mais. Na área da tecnologia então nem se fala.

Já se foi o tempo que tínhamos que enfrentar pilhas e pilhas de papéis para saber sobre alguém em vida, imagine se esta pessoa é morta? Para quem tem rinite era um martírio, revirar folhas e folhas de certidões em busca de documentos.

Mas a tecnologia veio para ajudar em muitos casos.

Nos países onde a tecnologia é bastante avançada, já se pode fazer muitas coisas que se imaginava impossível a alguns anos atrás.

Japão e Estados Unidos já dispõe de uma tecnologia que para genealogista vai ser uma grande ajuda. Os túmulos conectados, ou e-túmulos ou lápides compartilhadas. Isto mesmo.

Várias empresas como a Roseta Stone nos E.U.A já estão oferecendo este serviço a anos.

Imagine uma visita ao cemitério, você se aproxima do túmulo, coloca seu telefone junto a lápide e imediatamente todas as informações sobre a pessoa ali enterrada serão repassadas para você pelo telefone que dispuser de conexão com a internet, e mais, você poderá deixar suas condolências diretamente em algum lugar da internet onde os dados estejam guardados e a família poderá receber imediatamente e saber de sua visita.

Se nos dados deste chip estiverem endereços como MyHeritage.com, você poderá acessar a genealogia desta pessoa e se você for um usuário de uma árvore de MyHeritage.com, vai colocar estes dados diretamente em sua genealogia. Já pensou? Um avanço inimaginável e que não vai demorar muito para se transformar em realidade, pois é um serviço de grande utilidade para muitas famílias.

Com os atuais avanços, a família irá disponibilizar fotos, história e até vídeos e uma visita ao cemitério vai ser algo bem interessante. Uma forma, de manter viva a memória daquelas pessoas que partiram e nos são queridas.

Mantenha o memorial de seus antepassados sempre atualizados, é muito importante pois, você sabe que a tecnologia esta chegando para todos e em um piscar de olhos.

Esta tecnologia esta sendo possível graças a nova geração de celulares iPhone, iPod, Android e outros disponíveis no mercado.

Quer testar? Bastaria aproximar seu telefone e direcioná-lo para este código.

Só uma pergunta. Você tem capricho nos Memoriais de sua família em sua árvore genealógica?

Deixar um comentário

O e-mail será mantido em sigilo e não será mostrado

  • Gislaine Bach


    julho 23, 2011

    Sensacional! Será que um dia teremos isso no Brasil???

  • Marcioli


    julho 23, 2011

    Creio que sim, mas tudo leva seu tempo.

  • Sílvia


    julho 23, 2011

    Eu tenho curiosidade em saber sobre a minha tataravó, Maria Ferreira que saiu de Portugal e veio em férias no Brasil, precisamente em Fortaleza, conheceu o meu tataravô e não retornou mais à Portugal.Será que ainda existe alguém de sua família em Portugal?Eu só sei essa história dela, nada mais.

  • Luis Vaz


    julho 23, 2011

    Em resposta ao comentario da Silvia.
    Sabe de que região é a sua tataravó Maria Ferreira? em que ano ela foi para o Brasil? Existem varias familias Ferreira em Portugal e eu sou de uma delas, e parte da familia ia com frequencia ao Brasil.

    • Walter Olivas


      julho 23, 2011

      Para o Luiz e para a Silvia: Tenho interesse nas duas histórias, na história de amor da Silvia e na história de reencontro do Luiz se confirmado. Contato.

  • Jair Dantas


    julho 24, 2011

    O avanço imprecisona, Quem diria! Nunca imaginei isto.

  • Anderson Schaly


    julho 25, 2011

    ótimo para quem quer oportunidade e tem dinheiro para começar isto no brasil…

  • Almiro Nunes Cardoso


    julho 25, 2011

    Penso que teremos esta tecnologia muito em breve no Brasil. Seria um grande avanço para os genealogistas. Atualmente temos grandes dificuldades nas pesquisas porque algumas instituições ainda mantêm o domínio destes arquivos.

  • Luís Ribeiro


    agosto 1, 2011

    É um avanço imprecisonante!… Quem diria! Nunca imaginei tal coisa. Importante e Sensacional!

  • SCHMID CORREA D.C. Monique


    agosto 1, 2011

    Ola a todos, sou adepta do blog MyHeritage.com.fr. Ha 1 ano e meio comecei a fazer a minha “Floresta Amazônica e ta dando certo, tenho contatos com o Smart Matches com primos muitos distantes. Realmente é um máximo!

  • neusa peres


    agosto 5, 2011

    gostaria de saber a historia de meus bisavos paterno meus avos vieram da espanha e se casaram no brasil eles morreram quando meu pai era ainda crianca por isso nao sabemos quase nada a nao ser que eram das canarias minha avo paterna era alaion obs esse site e maravilhoso