24    set 20143 Comentários

A história da sua vida

Como genealogista, nós costumamos nos interessar pelo que aconteceu lá atrás e facilmente nos esquecemos do aqui e agora. No entanto, tudo aquilo que acontece agora será de interesse para os futuros genealogistas da sua família - inclusive a história da sua própria vida.

Assim sendo, lançamos aqui um desafio: lembre-se também do presente!

A sua história pode parecer não tão interessante assim, mas pense nos seus filhos, netos e bisnetos e no quanto eles ficarão felizes em conhecer um pouco mais sobre um determinado antepassado, que tinha muito para contar sobre a vida nos primeiros anos depois da virada do milênio. Pense que a sua história pode ser aquele motivo para alguém se interessar pela genealogia, lá na frente.

E contar a sua história não requer muito esforço. MyHeritage oferece algumas ferramentas para você documentar a sua vida com fotos, vídeos e texto.

Para começar, na sua árvore genealógica, no site de família online, você tem como adicionar muita informação ao seu perfil. Por exemplo, você pode anotar o que você estudou e com o que trabalhou. E para aqueles sem medo de encarar uma folha de papel em branco (ou uma tela de computador, hihihi), você pode até mesmo escrever um texto biográfico. Também importante é acrescentar fotografias à sua árvore.

Editar informações através do perfil, na árvore genealógica

Leia mais... "A história da sua vida" »

5    set 20140 Comentário

5 de setembro – Dia do Irmão!

Não é bom sentar para conversar com nossos familiares e nos lembrarmos de momentos especiais da nossa infância ou juventude?

Noto como minha filha, de apenas 6 anos, já adora ouvir sobre como ela era quando bebê, sobre as gracinhas que fazia, as artes (como se ainda não as fizesse), tudo! E da mesma forma, ela também adora ouvir as minhas histórias, o que eu fazia quando era pequena, quem eram meus amigos, como era minha escola, sobre as bagunças dos tios e tias, como a vovó era bem brava com a mamãe e coisas assim :-)

Leia mais... "5 de setembro – Dia do Irmão!" »

11    ago 201412 Comentários

Avós, pais da história familiar

Bisavós de Dado Moura

Hoje tenho o prazer de trazer aqui para o blog um texto muito bonito, escrito por Dado Moura, falando dos relacionamentos entre filhos, pais e avós. É um texto bastante atual, que toca, por exemplo, nas problemáticas da educação nos dias de hoje. Quem é que fica com as crianças quando os pais trabalham fora? Se os avós cuidam quem é que educa de verdade? A palavra do pai e da mãe vale mais do que a do avô e avó?

Obrigada, Dado, pelo belíssimo texto e por autorizar a divulgação com os leitores de MyHeritage! Boa leitura a todos!

"Através dos causos de família; narrados ao ritmo da (o) vovó (ô), passamos a conhecer a história dos nossos pais quando crianças.

Da mesma maneira que a presença dos pais é importante na vida dos filhos, a participação dos avôs na vida dos netos não poderia ser diferente. Embora a minha infância tenha ficado para trás há muito tempo, as lembranças das coisas que meus avôs me fizeram são tão vivas na minha memória, como se tivessem acontecido ontem.

Muitas pessoas alcançaram larga expectativa de vida e com isso conseguiram conhecer os filhos da sua segunda ou até de sua terceira geração. Com tanta experiência de vida, os avôs acabam vivendo algumas dificuldades de convivência, não com a nova geração, mas com os pais de seus netos. Os conflitos entre os adultos podem ser estressantes quando os avôs, na intenção de estar fazendo o melhor para os netos, interferem na educação aplicada pelos pais aos seus filhos. Mesmo que os compromissos dos pais sejam grandes, não cabe aos avôs assumir a responsabilidade outorgada aos pais.

Leia mais... "Avós, pais da história familiar" »

12    jun 20141 Comentário

É o amor…

Há alguns dias pedimos a vocês que nos enviassem histórias de amor. Poderiam ser histórias dos seus avós, de antepassados, poderiam ser fotos românticas, as suas próprias histórias, queríamos, enfim, compartilhar um pouquinho do amor que está presente nas nossas famílias.

Muitos de vocês nos enviaram histórias muito bonitas e gostaria de agradecer por cada uma delas! Elas foram todas especiais e significativas e elas devem certamente ser contadas de geração para geração, para que não sejam esquecidas nunca!

Inicialmente, pensamos em fazer um resumo de cada uma das histórias enviadas por vocês, para compartilhá-las aqui no blog, em uma homenagem no Dia dos Namorados. Mas recebemos uma história tão especial, tão bonita, que resolvemos dedicar este post a somente um casal. Interessante é que já tinhamos publicado uma matéria sobre a família dele, como vocês podem ver aqui. No entanto, ainda não havíamos ouvido desta história de amor.

Jorge e Marize, hoje, na Casa de Chocolate

Convido todos vocês a conhecerem a história de Jorge e Marize, nas palavras do próprio Jorge:

Leia mais... "É o amor…" »

20    mai 20143 Comentários

A última carta do vovô

James K. Flanagan escreveu uma carta para seus cinco netos, com conselhos que ele queria lhes dar sobre a vida. Apenas alguns meses depois, inesperadamente, ele morre vítima de um ataque cardíaco. Será que ele já estava esperando ou pressentindo a morte? Fato é que sua carta é uma verdadeira lição de como podemos nos tornar pessoas melhores.

Fonte: Wiertz Sébastien

Gostaria de compartilhar com vocês esta linda carta, que pode servir de inspiração para muitos.

Queridos Ryan, Conor, Brendan e Charlie, querida Mary Catharine,

Leia mais... "A última carta do vovô" »

31    mar 20148 Comentários

Histórias de família: Rosana Venceslau

Hoje temos o prazer de trazer para vocês mais uma linda história de família, a história da família Venceslau, contada pela nossa usuária Rosana. Rosana conta aqui, como começou a sua pesquisa familiar e sobre um grande evento de família que ela está planejando e que será realizado no próximo mês.

Boa leitura!

Rosana e seu avô

"Sempre tive orgulho de fazer parte da família Venceslau e trazer comigo um pouquinho dos ensinamentos dos meus avós Paschoalinho Wenceslau e Ruth Nogueira Venceslau.

Trago em meu coração a lembrança de momentos felizes ao lado deles, do afeto dos meus tios, das brincadeiras na infância com os primos, dos Natais inesquecíveis na casa da tia Esther, das aventuras em Itacarambi quando visitamos a tia Maria, das férias em Atibaia e até de uma baita bronca que eu e outros netos levamos do vô depois de uma tarde de muita bagunça por lá.

No falecimento da minha avó, em 31 de março de 2004, me senti muito triste diante da certeza de que meus futuros filhos não teriam a oportunidade de conviver com ela nem ao menos um pouquinho. E de que eles só iriam conhecê-la por meio do que eu lhes contasse sobre ela. O mesmo sentimento tomou conta de mim na despedida final de meu avô, em 5 de dezembro de 2007.

Pouco tempo depois, surgiu a ideia de construir a árvore genealógica da família, como forma de registrar parte de sua história, resgatar suas memórias e possibilitar aos descendentes de Paschoalino Wenceslau e às novas gerações a oportunidade de conhecer suas raízes e saber quem foram seus antepassados. Meu interesse pela pesquisa e minha curiosidade, características típicas de uma jornalista, só aumentaram o desejo de realizar este trabalho.

Leia mais... "Histórias de família: Rosana Venceslau" »

28    nov 20132 Comentários

Usuário contando sua história: Helio Dansa

Hoje vamos contar aqui no blog a história de um dos nossos usuários: Hélio Dansa.

Hélio, de 76 anos de idade, prefere não divulgar a sua foto pessoal, mas compartilhou conosco histórias muito especiais da sua família. Ele é casado há 55 anos e foi Recruta da Polícia Militar aos 17 anos. É ex-aluno da Escola Preparatória de Cadetes do Ar, em Barbacena, MG, foi securitário por muitos anos, e hoje é Corretor de Seguros. Na sua extensa lista de ocupações e títulos destaca-se ainda a pós-graduação em Direito Imobiliário pela FMU e o fato de que é advogado militante em Campinas, SP, há mais de 20 anos.

Helio ainda não conseguiu descobrir muita coisa em relação ao seu lado paterno, mas há 50 anos pesquisa a sua história familiar e no ano passado ele descobriu o site de MyHeritage. Ele chegou até Barcelona, na Catalunha, província hoje separatista da Espanha e encontrou o seu sobrenome no aeroporto de Barcelona -  El Prat de L'Obrigat.

Escudo de El Prat de Llobregat

"De meu avó paterno, Estevam Dansa Prat, nascido em Madrid, Espanha, tenho uma foto de família, mas não o conheci pessoalmente, porque faleceu antes de meu nascimento. Como tenho 76 anos de idade, certo que ele chegou ao Brasil bem antes disso. Além da foto, tenho um baú de ferramentas com as iniciais E. D. inscritas num losango de latão. Coincidentemente, o losango figura no brasão da cidade de El Prat, onde fica o aeroporto de Barcelona, na Catalunha. "

Seu avó, um carpinteiro, nasceu em Madrid e veio para o Brasil trazendo um parque de diversões de sua propriedade. Casou-se com Teodolina Barbosa, que não recebeu o sobrenome Prat, mas apenas Dansa. Foi ela quem lhe deu o nome de Helio. Sua mãe queria Paulo, nome que foi dado, posteriormente, ao filho de Helio.

Helio pode constatar que a música é uma constante na sua árvore genealógica e são vários os episódios com veia musical.

Leia mais... "Usuário contando sua história: Helio Dansa" »

10    set 20133 Comentários

Os tesouros debaixo do assoalho

Li este texto no mural de um grande amigo e não poderia deixar de compartilhá-lo aqui no nosso blog.

Imagem: Fábio Biff http://bit.ly/1amW3tI

"Deixem-me contar-lhes uma parábola.

Vocês conhecem aquelas casas de madeira, de tábuas largas, com fendas e gretas pelas quais costumam cair, debaixo do assoalho, um espelhinho, um pente, uma moeda, um botão, uma miçanga, mil coisas assim, que ficam lá embaixo, na escuridão?

Os meninos antigos gostavam de deitar-se no chão e ficar olhando pelas gretas o velho porão escuro. Quando um raio de sol penetrava lá embaixo, brilhavam coisas esquecidas e perdidas, pequenas ninharias que se acumulam, anos a fio.

Leia mais... "Os tesouros debaixo do assoalho" »

14    ago 20135 Comentários

O Genealogista

O que faz de você um genealogista?

As histórias contadas por algum parente mais velho? As fotografias que lotam as caixas de sapato com imagens de pessoas que você nem sabe quem são? A necessidade de se tirar um passaporte em outro país de onde você imagina que seus antepassados saíram?

O que te move a ser genealogista?

Para muitos, apenas uma das razões ditas acima já é o suficiente para se fazer genealogia, mas, em algum momento, em algum estagio de sua pesquisa de nacionalidade, algo vai mudar e você verá com outros olhos aquele emaranhado de caixinhas azuis e rosas em sua árvore genealógica. Um brilho nascerá em você e você se transformará.

Leia mais... "O Genealogista" »

11    jun 20131 Comentário

Nossas Histórias: O Mayflower¹ e muito mais!

Há tantas maneiras de ser mordido pelo bichinho da genealogia. Uma usuária de MyHeritage,  Melva Jo Wright da Flórida (EUA) assumiu a investigação de sua tia materna (Geraldine Martinez), quando ela morreu, em 2004.

Quatro irmãs de sua tia ajudaram na pesquisa e cada uma delas recebeu uma pasta com a história da família de sua irmã pesquisadora.

Bisavós maternos de Melva Jo e sua família: Norval Channing Smith (1878 PA-1955 PA) e Amanda Catherine (Pyle) Channing (1877 PA-1957 PA). Sua avó (extrema esquerda) é Rebecca ( Channing) Lytle (1901 PA-1980 FL) (foto cortesia) - (PA=Pensilvânia - FL= Flórida)

A maioria delas têm compartilhado comigo, mas eu ainda estou à espera de ouvir os outros para completar os seus dados em nossa árvore genealógica. Espero que eles tenham algumas imagens originais, como a maioria dos que eu já tenho são cópias.

Melva Jo, 60 anos, tem três filhos e três enteadas. Sua mãe trabalhava no Pentágono e seu pai era um piloto de stockcar, falecido em 1951 de uma corrida. Sua mãe se casou novamente, com um grande major do exército, e a família vivia na Alemanha e na França.

Entre suas descobertas emocionantes, constam: John do Mayflower¹ e Priscilla Alden que são seus nonos bisavós diretos. Ela também está relacionada ao escritor Henry Wadsworth Longfellow, ao presidente Abraham Lincoln, Clement Clark Moore (que escreveu "The Night Before Christmas), bem como Orson Wells, Marilyn Monroe, Dick e Jerry Van Dyke e Ricky Nelson, para citar alguns.

Leia mais... "Nossas Histórias: O Mayflower¹ e muito mais!" »

Sobre nós  |  Entre em contato conosco  |  Privacidade  |  Diga a um amigo  |  Suporte  |  Mapa do site
Copyright © 2014 MyHeritage Ltd., Todos os direitos reservados