8    set 20131 Comentário

Sete de setembro e as memórias

Ontem foi sete de setembro, o dia da Independência do Brasil, e me peguei pensando nas antigas fanfarras e desfiles que faziam parte das comemorações desta data.

Imagem: Blog Gincana ambiental http://ow.ly/oFrfp

Em meados dos anos 80 eu morava em Santa Maria, no Rio Grande do Sul e fiquei me lembrando da minha escola, da minha primeira professora (que se chamava Dona Leila) e de alguns amiguinhos de classe. Não me lembro de muitos deles, infelizmente não sou daquelas que têm uma memória fotográfica. Mas me lembro com muito carinho de uma amiga, a Tatiana, e de como nós duas desfilávamos, muito orgulhosas, juntamente com a nossa escola. Tem até uma foto de nós duas: banguelas, de maria-chiquinha, com uniforme escolar, paradas logo atrás da fanfarra.

Meus pais e os pais dela acompanhavam o nosso desfile, correndo atrás da multidão, tirando fotografias, acenando e nos encorajando a continuar.

Ontem, no dia da Independência, fiquei pensando em como as coisas mudaram de lá pra cá. De como o patriotismo não é mais uma obrigação imposta por um regime militar, mas como também os valores mudam com o passar do tempo. Hoje em dia não são mais todas as crianças que sabem cantar todos os nossos hinos (naquela época tinha o Hino da Bandeira, o Hino Nacional, o Hino do Estado, tenho na cabeça que cantávamos todos os dias, vocês também?) e não sei se há uma identificação com a escola, como existia na minha infância.

Leia mais... "Sete de setembro e as memórias" »

7    set 20120 Comentário

A Liberdade

O que significa liberdade?

Eu fico imaginando um pássaro preso em uma gaiola, olhando pelas barras, o céu azul, as nuvens, o verde das folhas, os outros pássaros e tudo que o cerca. Na sua prisão existe comida suficiente para vários dias, ele pode se dar ao luxo de desperdiçar, mas pula de puleiro em puleiro, centenas de vezes, milhares de vezes em uma rotina infinita, preso nas grades.

Se alguém, abre  a gaiola, a liberdade fica totalmente a um pulo.

Surge então a dúvida. ser ou não ser livre, voar ou não voar.

Liberdade não é a porta aberta para o céu azul, mas a decisão de sair por livre e espontânea vontade. Ser dono de seu próprio destino, de sua própria vida. Dar satisfações a sociedade sim, mas , ser livre para contestar a sociedade.

A liberdade não é algo que clareia com a abertura da porta da grade. Liberdade é conquistada aos poucos, de dentro para fora. Da pessoa para os seus sonhos.

Liberdade é um sentimento que requer, mudanças, atitudes e decisões. Liberdade é entender que qualquer um é dono de seus pensamentos de seu modo de agir e de suas expressões.

O que é liberdade?

Nada mais que uma alma disposta a aceitar seu destino feito por ela mesma, e não por outro alguém.

A liberdade de um país, gerou esta liberdade de forma coletiva, os brasileiros passaram a pensar exclusivamente por si, a agirem exclusivamente por si e isso, depois de muitos e muitos anos.

A LIBERDADE em toda a sua potencialidade exige que cada um de nós deste coletivo, seja também livre para expressar, agir e determinar seu próprio futuro em um contexto coletivo, em um sonho coletivo e na busca dos direitos justos para todos.

O Brasil já é livre.

Viva a liberdade! Do Brasil e de cada cidadão brasileiro. Feliz dia 7 de setembro.

Voe, pois a liberdade agora é exclusivamente a sua decisão.

Sobre nós  |  Privacidade  |  Diga a um amigo  |  Suporte  |  Mapa do site
Copyright © 2014 MyHeritage Ltd., Todos os direitos reservados