20    out 20147 Comentários

Meu querido diário

Alguém de vocês já teve um diário na infância, na adolescência ou talvez ainda o tenha? Todos nós sabemos o objetivo de um não é mesmo? Pretendemos guardar nossas experiências, pensamentos e lembranças, os nossos segredos, esperanças e inseguranças, ou simplesmente um local em que podemos dar vazão aos nossos sentimentos.

Por isso, encontrar um diário de um antepassado, é ao mesmo tempo acessar os pensamentos mais íntimos de nosso familiar, mas também ter acesso a uma riqueza de informações sobre a sua vida.

Leia mais... "Meu querido diário" »

14    out 20142 Comentários

Volta ao mundo digitalizando cemitérios

Como parte da nossa iniciativa de digitalizar cemitérios em todo o mundo, fomos contactados por um casal com uma ideia bastante interessante, que acabou catapultando-os a uma aventura internacional.

Michael Kerr e sua esposa Sabrina Rowe decidiram deixar para trás o conforto do lar para pedalar pela Europa, parando para fotografar cemitérios inteiros no caminho. Todas as fotos estão sendo compartilhadas gratuitamente com todos os usuários de MyHeritage e BillionGraves.com.

Michael fotografando cemitérios em Mirogoj (Zagreb, Croácia). O cemitério de Morogoj é considerado um cemitério muito significativo na Europa, e belíssimo com suas arcadas, colunas e abóbodas.

Leia mais... "Volta ao mundo digitalizando cemitérios" »

20    ago 20136 Comentários

O tamanho da sua história

Qual é o tamanho do mundo? Qual é o tamanho do seu país?

Tem muita gente que não tem noção deste tamanho. Alguns se espantam quando viajam e se deparam com cenários que nem pensavam em existir. Isso é muito comum, pois fazemos dos espaços que estamos habituados a frequentar o tamanho de nosso mundo.

Assim como tornar o nosso ambiente como único, por termos vivido nele por um longo tempo, e descobrir em outros lugares a sensação do desconhecido.

Este também é um fato em quem esta constantemente olhando a sua árvore genealógica crescer e acompanhando todas as inúmeras inclusões de perfis e dados que os outros parentes estão inserindo e colaborando.

Muitas vezes fazemos uma viagem além do nosso "mundinho" e viajamos por outros mundos que foram criados por outras pessoas em suas vidas, com cenários próprios e com outras características daquelas que estamos acostumados a ver.

Leia mais... "O tamanho da sua história" »

14    ago 20135 Comentários

O Genealogista

O que faz de você um genealogista?

As histórias contadas por algum parente mais velho? As fotografias que lotam as caixas de sapato com imagens de pessoas que você nem sabe quem são? A necessidade de se tirar um passaporte em outro país de onde você imagina que seus antepassados saíram?

O que te move a ser genealogista?

Para muitos, apenas uma das razões ditas acima já é o suficiente para se fazer genealogia, mas, em algum momento, em algum estagio de sua pesquisa de nacionalidade, algo vai mudar e você verá com outros olhos aquele emaranhado de caixinhas azuis e rosas em sua árvore genealógica. Um brilho nascerá em você e você se transformará.

Leia mais... "O Genealogista" »

13    ago 20131 Comentário

Os rostos mais velhos

Na nossa atual iniciativa de Preservação de Fotos de Famílias, tivemos a grata satisfação de constatar a grande quantidade de fotos que as famílias possuem de seus parentes queridos.

Muitas destas fotos remontam a quase o início da fotografia em 1829, quando o francês Joseph Nicéphore Niépce, inventou o processo que ele iria chamar de Heliografia (desenhar com o sol). Depois desta primeira aparição, muitos outros personagens foram os responsáveis por outros tipos de técnicas que foram aprimorando-se até os nossos dias.

A imagem acima é considerada a primeira foto feita pelo homem.

As fotos mais antigas, em que foram usadas as técnicas de "desenhar com sol", são as que mais sofrem com a ação do tempo, pois nos primórdios da fotografia, a grande maioria delas não conhecia os fixadores de imagem que conhecemos hoje. Estas fotos correm muito perigo e precisam com urgência serem digitalizadas e guardadas adequadamente.

Leia mais... "Os rostos mais velhos" »

8    jun 201316 Comentários

De quem é o urso?

Esta completando 14 meses que o aeroporto de Bristol no Reino Unido está fazendo uma campanha inusitada para encontrar duas garotinhas.

Os funcionários do aeroporto, decidiram trazer a público a história de um objeto esquecido no aeroporto em 1918 e que até hoje não foi reclamado.

Glyn ou Bristol (Facebook Bristol Airport)

Trata-se de um ursinho de pelúcia, sem um dos olhos, todo remendado e bem gasto dos milhares de abraços que já recebeu dos funcionário do aeroporto.

O ursinho foi achado dentro de uma sacola com uma foto de março de 1918 onde ele aparece com duas garotinhas. Mesmo sendo apelidado carinhosamente de Bristol pelos funcionário do Aeroporto, sabe-se que seu nome pode ser Glyn, pois no verso da foto sépia, esta escrito "Dora, Sônia e Glyn".

O brinquedo, ficou durante 95 anos, adotado pelos funcionários, aguardando a retirada no Achados e Perdidos do aeroporto e agora os funcionários decidiram fazer uma campanha para encontrar Dora e Sônia e devolver o ursinho Glyn. Veja a campanha no facebook

A busca já está no mundo todo e os responsáveis pela campanha esperam obter sucesso divulgando a campanha.

Em 1918 a Europa estava em plena I Guerra Mundial e muitos podem ser os motivos para que este bichinho tenha sido esquecido em Bristol. Só com a ajuda de possíveis parentes de Dora e Sônia é que esta história poderia ser desvendada.

Veja a foto encontrada junto com o Glyn na sacola deixada no aeroporto em 1918.

Dora, Sonia e Glyn - 1918 ( Facebook Bristol Airport)

Se está foto lhe é familiar, entre em contato com a equipe do Aeroporto de Bristol e vire história ou nos escreva para podermos ajudar.

5    jun 20130 Comentário

Pinando com MyHeritage

Você conhece o Pinterest não é?

O Pinterest é uma Rede Social que usa apenas imagens para expressar as comunicações entre as pessoas.

Se você é apaixonado(a) por fotos, Pinterest é o local ideal para você passear.

Pelo mundo todo, pessoas estão vendo fotografias, apreciando cenários e se encantando com bilhões de fotos espalhadas pela internet. Pode ser a fotografia de uma sala de jantar vitoriana ou a imagem de uma criança brincando no parque. Se você gostou da foto ou da imagem, basta fazer um PIN e pronto, seus amigos irão saber que tem uma nova foto que você gosta e quer que eles vejam em um dos painéis de sua página no Pinterest.

PIN: é aquele alfinete que usamos muitas vezes para pregar fotos e mensagens nos painéis de madeira.

Afinal, a ideia é a mesma, você gostou, coloca um PIN na imagem. Juntou-se a palavra PIN com "interest" de interesse em inglês e pronto formou-se o Pinterest.

A ideia é muito legal, pois através das imagens podemos deixar para nossos amigos um pouco daquilo que somos nas imagens que gostamos. Podemos mostrar por exemplo a nossa vocação ou gosto por jardinagem mostrando as fotos de lindos jardins pelo mundo, ou o nosso gosto por antiguidades visitando as inúmeras lojas de antiguidades pelo mundo.

MyHeritage agora está também no Pinterest e como você já sabe que estamos também no Facebook, no Twitter e no Google+ fica aqui mais uma oportunidade de podermos nos encontrar, agora com lindas fotos que vamos postar para você, ou mesmo você nos enviar. Vamos ter o prazer de colocar as suas fotos em nosso painel. É um dos mais simples programas de ser entendido, não tem mistérios, gostou da foto, encontrou o simbolo do PIN (igual ao do alto da página) na foto, envie para sua página que nós vamos ficar sabendo, assim como você vai ficar sabendo quando nós acharmos uma foto bem legal sobre genealogia, família, história, celebridades, pessoas e árvores. A principio, estamos montando o nosso painel e temos apenas algumas fotos, mas teremos milhares de fotos bem interessantes para você visualizar.

Página de MyHeritage PT/BR no Pinterest

Visite nossa página, basta clicar na imagem acima que você será direcionado para nosso painel e poderá ver lindas fotos que já colecionamos em nossas andanças pela internet. Faça o seu registro facilmente no Pinterest e visite a nossa página, clique em Follow para nos seguir. Estamos esperando por você.

3    jun 20132 Comentários

Minha família está mais forte do que nunca.

iStock©Lewis King

Todos nós queremos fortalecer as nossas famílias. Vivemos criando métodos para que nossos parentes próximos se liguem em laços que não se rompam jamais.

Algumas situações que acontecem em nossa vida, em momentos muito especiais e marcantes, nos fazem refletir sobre este fator tão importante da família que é a manutenção desta união. Quando perdemos alguém muito querido, um esteio familiar, uma pessoa que em nossas vidas foi um ponto de referência, sentimos as vezes impotentes vendo os demais membros da família se afastarem do nosso convívio.

Foi o caso da perda de nossa mãe. Foi um choque para todos nós filhos, netos e bisnetos a perda rápida e sem aviso. Ficamos sem o chão no primeiro momento, órfãos e perdidos, mesmo que quando a perdemos, muitos de nós já eram avós.

Leia mais... "Minha família está mais forte do que nunca." »

8    mai 20130 Comentário

Você pode nos ajudar

Já estamos fazendo contato com muitos acervos no Brasil e Portugal para trazer mais conteúdo para nossos usuários.

Negociações já estão iniciadas e em breve alguns importantes arquivos já estarão disponíveis em nosso site, abrilhantando ainda mais o Record Matches e dando cor a muitas árvores genealógicas em MyHeritage.

Mas precisamos de ajuda.

Sabemos que muitos de nossos usuários são experts em fazer pesquisas e como o Brasil e Portugal,são muito grandes e tem muita história, muitas vezes estamos perdendo de conhecer alguns grandes arquivos digitalizados que possam contribuir com o trabalho de MyHeritage.

Você conhece algum arquivo digitalizado, de acervos públicos ou privados que possam vir a fazer parte de MyHeritage?

Até o momento, já fizemos contato com quase todas as indicações que nossos usuários nos mostraram, mas ainda tem muito pela frente.

Se você conhece alguém ou algum museu ou acervo que possa interessar, nos avise enviando um e-mail para nossa equipe.

Estamos a procura de : Arquivos Paroquiais, Arquivos Públicos e Administrativos (Câmaras e Prefeituras), Arquivos Judiciais e de Terra, Arquivos de Personalidades, Certidões de nascimento, Casamento e Óbito, Jornais e Revistas, Arquivos Cemiteriais e documentos que possam contar a história de nossos países.

2    mai 20135 Comentários

Ovelhas negras ou inconformados

Achei engraçado um dia destes, um e-mail que recebi.

Alguns e-mails, nem precisam ser disfarçados, são descarados mesmo. Este, em especial, trazia uma pergunta sobre genealogia muito interessante e tinha o seguinte teor: “... é preciso pôr a minha sogra na árvore?” Isso é briga, e briga da brava.

Então, como é que se responde a uma pergunta desta sem criar uma briga de família? Sem receber uma resposta do tipo “... você está de qual lado? Do lado dela?”

A primeira coisa que eu procurei no e-mail é se ele não teria algum tipo de “com cópia para a minha sogra” o que poderia me envolver em uma disputa pouco diplomática e causar um drama maior. Nunca se sabe, não é?

Pensei a respeito, e a vontade que tive foi responder perguntando se na árvore o nome da sogra estaria como “Chocadeira” ou “COBRA” (e que isto não dê ideias para ninguém). Você está achando engraçado, mas é sério. Muitos e-mails que recebo têm teor igual ou pior que este. Alguns chegam ao cúmulo de “... aquela fulana, esposa do meu primo...” ou “... como faço para EXTRAIR o sicrano...”, sem dúvida, ao pensar em extrair, o usuário é um dentista.

Ovelhas negras ou inconformados?

Leia mais... "Ovelhas negras ou inconformados" »

Sobre nós  |  Privacidade  |  Diga a um amigo  |  Suporte  |  Mapa do site
Copyright © 2014 MyHeritage Ltd., Todos os direitos reservados