É possível fazer pesquisa genealógica sem computador?

Comentários1

Hoje em dia estamos quase todos conectados ao mundo virtual através de computadores, celulares e tablets. Assim, o acesso a computadores ou outros instrumentos para a pesquisa genealógica é quase sempre garantido. Porém, alguns talvez não confiem tanto na tecnologia e prefiram recorrer a papel e caneta, na hora de preservar a história das suas famílias.

Estamos tão conectados, armados de dispositivos super modernos, que por vezes nos esquecemos que a pesquisa da história da família é algo que vem sendo feita em ciclos – e cada época tenta usar todos os recurso que tem a disposição, para levar esta tarefa mais adiante.

documentos

Ainda que você não tenha um computador em casa, não se dê por vencido – lembre-se que as bibliotecas públicas têm computadores disponíveis, bem como alguns arquivos eclesiásticos e também existem os Centros de História da Família do FamilySearch espalhados pelo mundo todo (clique aqui para encontrar o mais próximo da sua residência).

E resolvido o problema do computador (ou seja, para responder a pergunta lá do título: sim, é possível fazer a pesquisa sem tem um computador em casa, mas não deixe este importante aliado de lado! Empreste um, vá a uma  biblioteca, igreja, universidade, centro da história da família, etc. e comece a pesquisar!), todos devemos seguir o mesmo roteiro:

  • Comece a sua árvore com você como protagonista e vá voltando no tempo.
  • Junte todos os documentos que puder e anote as informações sobre seus pais e todas as outras gerações que estiverem disponíveis.
  • Organize as informações em listas, formulários ou mesmo num caderno, escrito à mão.

Depois de ter avançado nestas etapas – não podemos nunca dizer “acabado” – você pode então ligar ou escrever para seus familiares para perguntar mais sobre o passado da sua família. Faça entrevistas com eles (confira aqui uma vídeo-aula que demos, ensinando como entrevistar os seus parentes) para obter mais detalhes e preencha todas as inforamações no seu site do MyHeritage. Na biblioteca você pode reunir informações sobre os endereços e números de telefone de outras fontes, que são importantes para você reunir mais informações sobre seus antepassados. Você poderá então ou escrever ou ligar para estes locais (igrejas, cartórios, cemitérios, etc.) e pedir para que lhe mandem as cópias de documentos via correio.

Nunca desamine! Lembre-se que antes de termos toda esta tecnologia avançada de agora, os genealogistas já faziam pesquisa genealógica e com sucesso. Eles também consultavam os censos, registros de propriedades, testamentos e uma variedade enorme de outros documentos, sem nem chegarem perto de um computador. As máquinas leitoras de micro-filmes foram e são de grande ajuda. Muitos registros ainda não se encontram online e para termos acesso a eles temos que usar uma destas preciosas máquinas.

Há ainda muitos tesouros de família a se descobrir, só esperando serem encontrados em algum lugar, para poderem então ser escaneados e salvos de alguma forma.

Talvez leve tempo para fazer a sua pesquisa genealógica, mas posso garantir, sem nenhuma dúvida, que só o fato de você comprar um computador não vai tornar o trabalho instantâneo ou menos minucioso.

Você também faz a sua pesquisa sem um computador? Compartilhe suas experiências!

Deixar um comentário

O e-mail será mantido em sigilo e não será mostrado

  • Alva pinto


    fevereiro 13, 2017

    gostava de saber o passado de um tio meu que faleceu em angola em 1952 ,o nome dele era jose martins leite. obrigado