9    jan 20131 Comentário

Passeio pelo passado

Quem gosta de fazer pesquisa em documentos históricos não pode deixar de visitar o site da Hemeroteca Nacional.

Ali, é possível se consultar inúmeros jornais, revistas ou periódicos já extintos no Brasil.

Porque consultar jornais antigos?

Em Genealogia, o estudos das gerações, muitas das histórias que cada um dos nossos antepassados viveu, foram influenciadas pelo mundo em que viveram e pelos fatos que vivenciaram.

Somente conhecendo os fatos históricos é que se pode pensar como nossos antepassados e assim, perceber mais os fatos que envolveram este antepassados. Por exemplo, em 1918 e 1919 o mundo presenciou a Gripe Espanhola, que matou 300 mil pessoas somente no Brasil e veio trazida pelo navio Demerara vindo da Europa.

Naquela época, muitos de nossos antepassados podem ter sido vitimas da gripe e isso já um bom sinal para quem deseja justificar um falecimento nesta época. Não que todos os falecidos destes anos tenham sido por causa da gripe.

O motivo de mostrar como a história é importante para quem faz genealogia é que os mínimos detalhes da história podem significar um caminho a seguir na busca de informação e isso é por demais importante. Esta ideia de que podemos, confrontar a historia com a pouquíssima documentação e chegar a bons resultados, veio por um recente questionamento criado por um usuário que fez uma consulta interessante.

Seria ele descendente do Faraó Ramsés? Consultando uma árvore genealógica na internet ele havia feito a descoberta deste fato. Será?

Qualquer genealogia se tornará ficção quanto mais antiga ela for.  Isso é um fato, pois não existe, em alguns casos, a possibilidade de comprovação.

Para se chegar a uma resposta conclusiva, é necessário que você entenda que os registros da época em que o Faraó viveu (1293 A.C.) não existiam. Naquela época, tudo é motivo de pesquisa arqueológica e ninguém vai encontrar uma documentação legal e nem registros como você encontra hoje em dia. E isso é um fator importante a se considerar. Mas, baseados nos restos mortais do Faraó encontrados em 1817, testes de DNA foram executados na múmia e hoje é possível se comprovar uma descendência genética. Isso significa que você carrega em você o documento de descendência de seus antepassados.

Indo adiante. Para se ter uma ideia, somente no dia 09 de janeiro de 1881, coincidentemente faz aniversário hoje, é que um documento civil foi exigido de todos os brasileiros pela aprovação da Lei Saraiva, e até então, apenas 10% da população do Brasil, na época, tinha documento oficial. Pouco mais de 1 milhão de pessoas tinham documentos oficiais. Os registros paroquiais existiam a muito tempo, mas portar um documento era coisa rara. Pessoas nasciam e morriam sem deixarem registros.

Hoje é possível se levar uma genealogia até o descobrimento do Brasil em 1500, se o seu antepassado estivesse na nau do descobrimento, mas na maioria dos casos é motivo de extenuante trabalho de busca e de muita sorte. Muitas famílias registravam os nomes dos antepassados, mas muita coisa não foi registrada.

Deixando as teorias de lado, para você que leva muito a sério a sua história familiar, é preciso ser coerente com as informações existentes. Não adianta querer provar o improvável, é preciso também ser realista.

A história é uma linha do tempo, ela evoluí em função dos fatos históricos. Não adianta procurar pela certidão de nascimento do Faraó pois isso não existe. Mas é possível olhar para um parente falecido em 1919 e descobrir a causa da morte. Estudar os fatos é um dos maiores requisitos de quem pretende fazer genealogia. Que tal ler algumas notícias em jornais antigos?

Você sabia que MyHeritage tem a maior coleção do mundo de Jornais e Revistas no Record Matches e SuperSearch? quer consultar: siga o link.

Comentários (1) Trackbacks (0)
  1. É uma das minhas principais fontes de pesquisa. Costuma ficar fora do ar nos finais de semana e feriados.

Deixe um comentário

Enviar

Deixe um comentário
Insire um nome
Por favor introduza um endereço de email

Sem trackbacks

Sobre nós  |  Entre em contato conosco  |  Privacidade  |  Diga a um amigo  |  Suporte  |  Mapa do site
Copyright © 2014 MyHeritage Ltd., Todos os direitos reservados