4    dez 20120 Comentário

Os limites de cada um.

Nossa história familiar esta cheia de exemplos de superação de limites.

É apaixonante encontrar algumas destas histórias e descobrir como os nossos parentes, ou até nós mesmos, superamos dificuldades, ultrapassamos recordes ou mesmo, ajudamos outros a vencer.

Quase em todas as histórias pessoais vão existir estes exemplos. Nós nos encontramos diariamente em muitas destas histórias.

Os limites podem ser diversos. Pode ser o caso da tia que partiu do zero e montou um império financeiro ou do avô que idealizou uma grande conquista e mesmo a despeito de tudo ou de todos, venceu. Os desafios estão em cada perfil de nossa árvore genealógica, ou uma garota de 16 anos que esta subindo ao podium a cada vez que se desafia para um novo recorde.

Nossos limites não são iguais, cada um de nós tem o seu. Pode-se superá-lo em pouco tempo ou levar a vida inteira para conseguir.

Quando descobrimos um destes exemplos em nossa história familiar, vemos o quanto ele influenciou e marcou as gerações futuras. Quem entrevista um parente, que conheceu pessoalmente um destes desafios serem vencidos, conhece o orgulho ao contar a história e como este orgulho está em  cada palavra dita e recontada.

Hoje, dois vídeos fizeram sucesso nas redes sociais.

Por uma destas coincidências do destino, existe entre cada um deles a mesma mensagem motivacional: Não existe o impossível.

A diferença entre ambos? 86 anos entre um desafiante e os outros.

Em um dos vídeos, vemos a incrível performance de uma senhora de 86 anos, que poderia muito bem estar em casa sentindo dores, reclamando da aposentadoria ou deixando-se levar, a desafiando a si própria em uma apresentação impecável de ginastica rítmica.  Veja aqui.

No segundo vídeo, (reportagem da BBC Brasil) dois bebezinhos de 9 meses nadam  uma piscina de 25 metros sem a ajuda de ninguém e  assustam pela incrível capacidade de adaptação. Não existe o impossível.

Somos seres nascidos para vencer e aceitar desafios.

Nossa questão para você genealogista da família é saber se você já encontrou em sua genealogia alguns destes desafios vencidos e se, esta história ainda está apenas na memória ou no papel.

Se estiver no papel, nos conte, se estiver na memória ou na transmissão oral, contada ainda pelos mais antigos, você tem um grande desafio pela frente. Contar esta história.

Já ouvi vários genealogistas dizerem que "era impossível" achar um documento, ou descobrir uma relação a muito perdida, mas já vi também genealogista dizerem diante do "impossível": — Vai ser difícil mas eu vou achar.

Qual destes genealogistas é você?

Qual é o seu limite na busca genealógica? Você já superou alguns? Qual foi o maior desafio de sua família e qual é idade de quem se desafiou? Nos conte como.

Comentários (0) Trackbacks (0)

Sem comentários


Deixe um comentário

Enviar

Deixe um comentário
Insire um nome
Por favor introduza um endereço de email

Sem trackbacks

Sobre nós  |  Privacidade  |  Diga a um amigo  |  Suporte  |  Mapa do site
Copyright © 2014 MyHeritage Ltd., Todos os direitos reservados