11    dez 20121 Comentário

Alfred Nobel, um homem ou um prêmio?

A entrega do Prêmio Nobel foi ontem, na Suécia. Quem foi Alfred Nobel? Porque este prêmio leva seu nome? Aprenda um pouco de história aqui.

Antes da famosa premiação, Alfred Nobel era conhecido como inventor da dinamite.

Em 1888, Alfred Ludvig irmão de Alfred Nobel morreu enquanto visitava a França. Um jornal francês erroneamente pensou que era Alfred que tinha morrido e publicou seu obituário.

Alfred ficou surpreso ao ler o artigo, especialmente sua descrição como "O Mercador da Morte". Uma linha em particular, declarou: "Dr. Alfred Nobel, que se tornou rico por encontrar maneiras de matar mais rápido do que nunca as pessoas,morreu ontem". Isto  fez pensar.

Alfred percebeu que esta não era a maneira que ele queria ser lembrado, assim, em 1895, mudou seu testamento para designar uma grande parte de seus ativos, para financiar o Prêmio Nobel.

Testamento

O primeiro Prêmio Nobel foi concedido em 1901 a Henry Dunant e Frédéric Passy. Os prêmios são concedidos a várias categorias, incluindo: Física, Química, Fisiologia, Medicina, Literatura e o da Paz.

Cada vencedor recebe uma medalha de ouro, um diploma e uma quantia em dinheiro, o valor pode variar de acordo com a renda da Fundação Nobel naquele ano. Este ano, o prêmio é mais de 1milhão e duzentos mil dólares.

Quatro pessoas receberam o Prêmio Nobel por duas vezes. Marie Curie recebeu o Prêmio Nobel de Física em 1903 pela descoberta da radioatividade e de Química em 1911 pelo isolamento do elemento Radiun. Linus Pauling ganhou o Prêmio Nobel de Química em 1954 por sua pesquisa sobre a natureza das ligações químicas e da Paz em 1962 pelo seu ativismo contra os campos de testes nucleares.

John Bardeen recebeu o Prêmio Nobel de Física em 1956 pela invenção do transistor, e novamente em 1972, pela mesma teoria da supercondutividade. Frederick Sanger obteve o Nobel de Química em 1958 por determinar a estrutura da insulina em 1980, e também com a invenção de um método para determinar a sequência de bases de DNA.

Alfred Nobel nasceu em 21 de outubro de 1833, em Estocolmo, na Suécia, em uma família de engenheiros. Seus pais, Immanuel Nobel Jr. (nascido em 1801) e Nobel Andriette Karolina (nascida Ahlsell) tiveram oito filhos, mas apenas quatro chegaram à idade adulta. O nome de família era originalmente Nobelius, que mudou para Nobell e depois para Nobel em 1785.

Árvore genealógica de Alfred Nobel - Clique na imagem para ver a árvore em MyHeritage

Em 1842, a difícil situação econômica obrigou a família a mudar-se para São Petersburgo, na Rússia. A vida lá não era muito melhor, e as crianças tinham que ajudar os pais para fazer face às despesas. Aos nove anos Alfred ajudava vendendo na rua.

O negócio da família começou a ir muito bem e em 1863, Alfred voltou para a Suécia com seu pai. Foi lá que ele começou a estudar e experimentar os explosivos de nitroglicerina. No ano seguinte, uma explosão em sua fábrica em Estocolmo matou seu irmão Emil Nobel, que tinha 21 anos, e todos os outros presentes.

Apesar de triste com o que aconteceu com seu irmão, Alfred continuou seu trabalho. Ele passou muito tempo viajando o mundo, mas Paris era a sua residência principal. Após conflitos com o governo francês, Alfred mudou-se para San Remo, na Itália.

Ele construiu um laboratório de testes na região do Mediterrâneo, mas os moradores não gostaram, Alfred foi forçado a encontrar um lugar para fazer as experiências com pólvora e buscar soluções sem problemas, instalou-se então em  Bofors, na Suécia.

Alfred Nobel morreu em 10 de dezembro de 1896 em San Remo e foi enterrado em Estocolmo. Ele nunca se casou.

(Matéria escrita por Aaron Godfrey, Manager Country para MyHeritage UK e USA.)

Comentários (1) Trackbacks (0)
  1. legal quanto vale uma medalia desta tenho uma

Deixe um comentário

Enviar

Deixe um comentário
Insire um nome
Por favor introduza um endereço de email

Sem trackbacks

Sobre nós  |  Privacidade  |  Diga a um amigo  |  Suporte  |  Mapa do site
Copyright © 2014 MyHeritage Ltd., Todos os direitos reservados