29    nov 20107 Comentários

MyHeritage Records

Nossa equipe sempre busca recordes que possam aumentar o nosso "livro de Recordes Genealógicos", já temos vários exemplos em nossos blogs, mas, recentemente recebemos a colaboração de Regina Cascão do Colégio Brasileiro de Genealogia a descrição de um processo de 1487, de uma sentença em Trancoso, Portugal, sentença proferida e registrada na Torre do Tombo. É no mínimo um recorde digno de qualquer livro e de ser lido com muita atenção e duvido que se encontre (exceto Adão) outro "tão nobre procriador da raça humana". Leia na integra a transcrição.

Sentença de 1487 - Trancoso, Portugal

Arquivo Nacional da Torre do Tombo

SENTENÇA PROFERIDA EM 1487

PROCESSO CONTRA O PRIOR DE TRANCOSO

(Autos arquivados na Torre do Tombo, armário 5, maço 7)



"Padre Francisco da Costa, prior de Trancoso, de idade de sessenta e dois anos, será degredado de suas ordens e arrastado pelas ruas públicas nos rabos dos cavalos, esquartejado o seu corpo e postos os quartos, cabeça e mãos em diferentes distritos, pelo crime que foi arguido e que ele mesmo não contrariou, sendo acusado de ter dormido com vinte e nove afilhadas e tendo delas noventa e sete filhas e trinta e sete filhos; de cinco irmãs teve dezoito filhas; de nove comadres trinta e oito filhos e dezoito filhas; de sete amas teve vinte e nove filhos e cinco filhas; de duas escravas teve vinte e um filhos e sete filhas; dormiu com uma tia, chamada Ana da Cunha, de quem teve três filhas, da própria mãe teve dois filhos. Total: duzentos e noventa e nove, sendo duzentos e catorze do sexo feminino e oitenta e cinco do sexo masculino, tendo concebido em cinquenta e três mulheres".

TOTAL GERAL : 299 filhos

E tem mais. Se você pensou que acabou a história, veja a melhor parte :

"El-Rei D. João II lhe perdoou a morte e o mandou pôr em liberdade aos dezassete dias do mês de Março de 1487, com o fundamento de ajudar a povoar aquela região da Beira Alta, tão despovoada ao tempo e guardar no Real Arquivo esta sentença, devassa e mais papéis que formaram o processo".

A nossa próxima pergunta é: Livre da sentença, será que ele parou?


Comentários (7) Trackbacks (0)
  1. Nossa! E é porque ele era padre, já imaginou se existisse outros Franciscos nesta nossa vida?
  2. P@R@ MARCIA: E olha só que fato interessante, a média mais alta de filhos por mulher é o das 2 escravas (14 filhos).
  3. É surpreendente como se espalha noticiário falso, sem nenhuma base histórica verdadeira. Inclusive com dados que qualquer aluno de ginásio poderá apontar como falso.
    Para os interessados em saber a verdade sobre o relatório Trancoso: 1) Em 1587 Portugal estava sob domínio da Espanha, cujo rei era Felipe II (o da Invencível Armada); 2) O Rei D. João II (o dos Grandes Descobrimentos)nessa época de há muito era falecido. Para dar essa sentença só mediunicamente; 3) O Rei D. João II reinou em Portugal no periodo de 1481-1495, portanto o Brasil nem descoberto ainda fôra; 4) Há notícias de que o maço 7, da caixa 5, da Torre do Tombo, não contem tal documento; 5) Alguém identificaria a fonte primária desse boato escandaloso e irresponsável?

    Altair Sebastião Galvão de Souza - RG 5 943 830 - 7
  4. Somente agora vi que o famoso relatório, neste site, já aparece com dados alterados. Mesmo assim, as informações que passei anteriormente continuam valendo.

    Altair.
  5. Imagine a quantidade de descendentes que existem hoje deste homem!!!
  6. Altair, admiro seu trabalho.
    Seu profissionalismo, afinal, quem atua em qualquer ciência, sabe-se, que não existe o fim...
    Parabéns!
    Abraço.
  7. Altair, apesar de parecer fantasiosa essa história... não posso deixar de lhe questionar o seguinte:
    Nesse momento em que visualizo a matéria só vejo referências ao ano de 1487. Entretanto, seu comentário faz referência ao ano de 1587. Por favor analise novamente o que você escreveu. Sei que a Espanha dominava Portugal em 1587, OK. E sei que o reinado de João II em 1481-1495 compreende o ano de 1487, OK também. Então..... a matéria poderia ter sentido sim, apesar de parecer fantasiosa.

Deixe um comentário

Enviar

Deixe um comentário
Insire um nome
Por favor introduza um endereço de email

Sem trackbacks

Sobre nós  |  Entre em contato conosco  |  Privacidade  |  Diga a um amigo  |  Suporte  |  Mapa do site
Copyright © 2014 MyHeritage Ltd., Todos os direitos reservados